Que tal conhecer Santorini?

Hora de conhecer as ilhas Gregas. As mais famosas são: Santorini (destino de muitos casais para lua de mel) e Mykonos (destinos dos jovens no Verão Europeu).

Então você acha que já ficou satisfeito em ter conhecido essas duas ilhas? Inúmeras são as maravilhas e paisagens paradisíacas que a Grécia tem a oferecer. E porque não explorar as seis mil ilhas (e também ilhazinhas) espalhadas pelo no Mar Egeu e Jónico? Seria um sonho conhecer essas verdadeiras pinturas ao ar livre. Mas quem tiver a oportunidade, voe e aproveite cada pedacinho desse paraíso. Posso dizer que é uma grande felicidade para a alma.

A ilha de Santorini deve o seu nome a Santa Irene, nome pelo qual os venezianos a denominavam. Era anteriormente conhecida por Kallístē (em grego clássico: Καλλίστη, “a mais bela”), Strongýlē (Στρογγύλη), “a circular”) ouTera (Θήρα), nome que ainda hoje ostenta em grego. Santorini tem nas suas proximidades diversos ilhéus, formando um grupo quase circular de ilhas, vestígio da grande erupção que despedaçou a ilha. O grupo de ilhas é também conhecido por Tira (em grego: Θήρα).

Como chegar até Santorini
Existem voos saindo de Atenas que não costumam ser baratos, mas se comprar com antecedência, talvez possa garantir um valor que cabe no bolso e ainda pode evitar ficar oito horas se deslocando no Ferry. Uma dica é pesquisar na Ryanair.
Os ferries partem dos portos de Piraeus e Rafina. Piraeus é o mais utilizado e de fácil acesso.
Saindo de Atenas, a melhor e mais econômica opção é o metrô. Pegue a linha 1 e desça na estação terminal Pireus que fica em frente aos portões seis e sete do porto, local onde saem os navios para as ilhas Ciclades. Saindo da estação, suba por uma escada rolante e atravesse a passarela, ao lado de fora do porto.

que-tal-conhecer-santorini-2

Reprodução Google

Tempo de percurso
Vai depender da escolha do Ferry. Se você comprar o bilhete do Ferry convencional (mais barato), saiba que o percurso pode levar até oito horas para chegar em Santorini, o resultado desse tempo demorado é devido as paradas em outras ilhas e a troca de passageiros. Se escolher o Ferry que é uma espécie de catamarã, a viagem será mais rápida, porém o valor faz jus, mas quem precisa otimizar o tempo, será uma excelente escolha. 😉




Enfim Santorini
Para conhecer a ilha toda, o ideal é alugar um carro ou uma moto para ganhar tempo. A ilha é dividida em vilarejos, o centro fica em FIRA, onde se encontra muitos restaurantes, comércios e locadora de carros e o famoso pôr do sol fica em OIA. Vale a pena passar o dia por lá passeando pelas ruelas e se deparando com cada ângulo lindo da ilha e não deixe de encerrar o dia com o espetáculo de tirar o fôlego, o pôr do sol.
Toda a ilha inspira ao romantismo, tive o privilegio de ver um casamento grego em OIA e é simplesmente sensacional . E claro, não pude controlar as lágrimas.

que-tal-conhecer-santorini

Foto: Paula Orofino

Foto capa: Reprodução Google

Além de geógrafa, educadora ambiental e amante da natureza, uma viajante quase profissional. Tem como metas, conhecer todo o Brasil (provou que o Acre existe) e todos os continentes. Quase lá.