Um blog com dicas e experiências sobre viagens pela Europa. Aqui contamos a nossa historia :-)

Zona do Euro – Desemprego cai para 9,6%

181

A taxa de desemprego baixou para 9,6% em dezembro último na zona euro, com Portugal a registar o terceiro maior recuo homólogo entre os Estados-membros, de 2,0 pontos percentuais, segundo o Eurostat.

De acordo com os dados do gabinete oficial de estatísticas da União Europeia (UE), a taxa de desemprego da zona euro baixou, em dezembro de 2016, quer na comparação homóloga (era de 8,2% em dezembro de 2015), quer face à de novembro (9,7%).

Já na UE, o desemprego foi de 8,2% em dezembro de 2016, estável face na variação em cadeia mas em baixa na homóloga (9,0% no mesmo mês de 2015).

Em termos homólogos, as baixas mais representativas registaram-se na Croácia (de 15,0% para 11,4%), em Espanha (de 20,7% para 18,4%) e em Portugal (de 12,2% para 10,2%).

Por outro lado, Chipre (de 13,1% para 14,3%), Itália (de 11,6% para 12,0%), Estônia (de 6,6% para 6,7%) e Dinamarca (de 6,1% para 6,2%) tiveram as maiores subidas no desemprego, na comparação com dezembro de 2015.


As taxas de desemprego mais baixas foram registadas na República Checa (3,5%) e na Alemanha (3,9%), enquanto as mais elevadas se observaram na Grécia (23,0% em outubro de 2016) e em Espanha (18,4%).

A taxa de desemprego juvenil foi de 20,9% na zona euro (face aos 21,8% homólogos e aos 21,% de novembro) e de 18,6% na UE (contra 19,5% homólogos e 18,6% de novembro).

O valor mais baixo de desemprego jovem foi, em dezembro de 2016, registado na Alemanha (6,5), enquanto os mais elevados se verificaram na Grécia (44,2% em outubro de 2016), em Espanha (42,9%) e Itália (40,1%).

Em Portugal, 26,4% dos jovens com menos de 25 anos estavam desempregados em dezembro, abaixo dos 30,3% homólogos e dos 27,2% de novembro.

Fonte: Jornaldenotícias

Comentários